Como é grande a emoção de registrar uma vida chegando ao mundo! Não é apenas um bebê que chega ao seio da família, é o nascer de uma mãe, de um pai, avós, irmãos, tios e tias. Nasce uma nova família.

Olhando em imagens, não é difícil perceber o que a fotografia de parto é. Mas, e o que ela não é?

Definitivamente, não é foto posada. Por isso, sempre a denomino como cobertura ou sessão, e não ensaio. Nesse caso, uma cobertura 100% documental. É sobre contar a história desse dia em imagens.

Não é explícita. Mais uma vez, acredito que a fotografia de nascimento deve contar uma história. Momentos que envolvem amor, ternura, expectativa, força e companheirismo. Algumas pessoas podem ficar à vontade com alguma nudez, é papel do fotógrafo entender o seu cliente e saber se pode adotar uma abordagem menos conservadora.

Não é intrusiva. O fotógrafo profissional de parto deve seguir uma conduta que respeite a privacidade dos pais e equipe médica. Por exemplo, eu não uso flash nas coberturas que realizo, mas mesmo que seja o caso do profissional optar por usá-lo, em determinada situação, deve fazê-lo de forma indireta.

Por fim, devo dizer que esse é dos trabalhos mais emocionantes que realizo. Envolve muito amor pelo o que faço e compaixão com todas as histórias lindas que passam por aqui. =)